Manejo de granuloma peri-gastrostomia

19 de abril de 2020

Manejo de granuloma peri-gastrostomia

  • O tecido de granulação é o novo tecido que se forma quando uma ferida está cicatrizando, e chamamos de “granuloma” o tecido “extra”, localizado, que pode se formar ao redor de ostomias (tambem pode se formar no bebe na cicatriz umbilical).
  • Um granuloma peri-gastrostomia representa um problemas, pois pode se tornar um local  infecção local, pode causar dor ou desconforto a manipulação, ou interferir na colocação/substituição da sonda de gastrostomia ou “bottom”. Em geral tem coloração rosa a vermelho escuro, não progride rapidamente, pode parecer molhado/ umido. Pode ainda ser friavel/ sangrar facilmente.
  • As causas de granuloma incluem excesso de movimento do tubo, excesso de umidade, excesso de pressão no estoma, trauma no estoma ou infecção. Portanto: gastrostomia de tamanho errado, que entra e sai do estoma; muita pressão  por “bottom” muito apertado; estoma constantemente molhado por vazamento de conteudo gastrico ou porque o estoma está coberto com um curativo; e trauma local por retirada acidental ou por troca recente do tubo são potenciais causas de granulma. E algumas vezes, um evento desencadeante pode não ser identificado.

 

  • Na ausencia de sinais de infecção, o primeiro passo para o tratamento de granulomas pode ser a imersão salina hipertonica (“saline soaks”).
  • Imersão salina hiperteonica: Pode ser água salgada! (hipertônica), não necessariamente solução hipertonica comprada na farmacia. Se for preferencia do cuidador, comprar a solução, deve ser a 3% (e não soro fisiologico/ 0.9%).
  • A ideia é que o sal “extra” (por isso hipertonica) ajuda a afastar a umidade do tecido, secar a pele e reduzir o inchaço e a vermelhidão.
  • A solução hipertônica pode ser feita misturando 2 colheres de chá de sal de mesa com 1 xícara de água morna. A imersão é feita com o auxilio de uma gaze (que deve ser cortada “em Y ” para ser colocada em volta da gastrostomia), que é embebida na solução, sendo depois levemente espremida para retirar o excesso de água, e entao aplicada na pele ao redor do tubo por 5-10 minutos, até 4 vezes/dia. Não se deve deixar a gaze secar: porque se secar, pode puxar o estoma e causar dor ao ser removida. Não se deve lavar/limpar o sal da pele depois depois de remover a gaze.
  • Se o granuloma estiver significantemente inflamado, deve se considerar o uso de creme de hidrocortisona (0.5%) por uma semana.

 

  • Dicas para manter o estoma saudável, que evitam a formação de granuloma e outras complicações.: lavar diariamente com água e sabão, deixar o estoma aberto ao ar (não deixar rotineiramente coberto com curativo), prender bem o tubo, evitar excesso de movimento do tubo, se houver vazamento – abordar o mais rápido possível, sonda de tamanho adequado, verificar o volume do balão  semanalmente, evitar infecções.

 

  • Em geral, o uso de nitrato de prata para queimar o tecido extra e promover a cura fica reservado para casos mais graves. A primeira aplicação em geral feita por profissional de saude, e pais/cuidadores podem ser ensinados para continuar aplicando o nitrato de prata em casa. O nitrato de prata é um tratamento mais invasivo/ agressivo. Uma vez ativada pela água, a prata queima o tecido, fazendo com que o tecido de granulação morra . Não pode ser usado se houver historico de sensibilidade à prata.
  • Pais/cuidadores devem saber que a aplicação de nitrato de prata pode ser dolorosa. Antes da aplicação, a pele saudável deve ser protegida com um creme de barreira. Tratamento com imersões salinas hipertônicas e cremes antibióticos nao devem ser realizados durante o tratamento nitrato de prata.
  • Cuidados para aplicar nitrato de prata no estoma de uma criança: lavagem das mãos com água e sabão, limpeza o estoma com água e sabão (e deixar secar ou deixe secar ao ar), proteção da pele saudável ao redor do estoma com creme de barreira (por exemplo, óxido de zinco) ou vaselina. O bastão de nitrato de prata deve ser mergulhado em uma pequena quantidade de água estéril ou destilada (que ativará a prata). Não pode ser usada água salgada ou soro fisiológico. A ponta do bastão deve ser aplicada apenas sobre o tecido de granulação. O tecido pode ficar com uma cor preta-acinzentada (isso é normal e desaparece com tempo).
  • Seacidentalmente nitrato de prata for derramado em pele saudável, esta deve ser lavada imediatamente com solução salina para interromper seus efeitos (agua ativa a prata, solução salina inativa!).
  • A frequência de uso do nitrato de prata ao estoma é avaliada clinicamente. Muitas vezes, trata-se de aplicação unica, porem casos mais graves podem precisar de multiplas sessoes.  Via de regra, não deve ser realizado uso prolongado.
  • Pais/cuidadores que não parecem compreender as intruçoes de uso ou que entendam mas não se sintam confortaveis, não devem realizar a aplicação do nitrato de prata – essa é mais segura se realizada por profissional de saude – enfermeira ou medico – com experiencia no cuidado de ostomias.
  • Como ressaltado acima, em geral o uso de banho hipertônico nao é recomendado durante um curso de tratamento com nitrato de prata. SE for realizdo, deve-se aguardar pelo menos 12 horas antes de usar banhos hipertônicos de água salgada após aplicar o último tratamento de nitrato de prata.

.

.

REFERENCIAS:

  1. https://www.connectedcare.sickkids.ca/quick-hits/2019/8/29/volume6-efnk4-nyn48-max8h-jz2fm
  2. https://www.aboutkidshealth.ca/article?contentid=2907&language=english
  3. https://www.aboutkidshealth.ca/Article?contentid=2909&language=English
  4. https://www.aboutkidshealth.ca/Article?contentid=3019&language=English

 

———————————————————————————————————————
“DISCLAIMER”/ aviso legal: o objetivo dessa página é compartilhar conhecimento médico, visando um público alvo de médicos, pediatras, gastroenterologistas pediátricos, estudantes de medicina. Os conteúdos refletem o conhecimento do tempo da publicação e estão sujeitos a interpretação da autora em temas que permanecem controversos.
A linguagem é composta de linguagem/jargões médicos, uma vez que não visa o público de pacientes ou pais de pacientes. O conteúdo dessa página não pode  substituir uma consulta médica.
As indicações e posologia de medicamentos podem mudar com o tempo, assim como algumas apresentações ou drogas podem ser retiradas do mercado.
Em caso de dúvida relacionada ao conteúdo ou se algum dado incorreto foi identificado, entre em contato!