Óleo de hortelã-pimenta para síndrome do intestino irritável

11 de outubro de 2019

Óleo de hortelã-pimenta para síndrome do intestino irritável

 

  • Um estudo randomizado não mostrou eficácia geral do óleo de hortelã-pimenta, frequentemente utilizado para a melhora geral dos sintomas em pacientes com síndrome do intestino irritável (SII), embora uma formulação de liberação no intestino delgado tenha sido útil para certos sintomas.
  • Em estudo multicêntrico, randomizado e controlado por placebo, pesquisadores avaliaram a eficácia e a segurança de duas formulações de óleo de hortelã-pimenta em 190 pacientes que preenchiam os critérios de Rome IV  para SII (feito em ADULTOS*: idade média de 34 anos; 78% de mulheres; 96% de caucasianos). Nesse estudo, pacientes receberam cápsulas de aparência idêntica de 182 mg de óleo de hortelã-pimenta de liberação intestinal, 182 mg de óleo de hortelã-pimenta de liberação ileocolônica ou placebo por 8 semanas. Os desfechos primários foram resposta à dor abdominal (redução de ≥30% na média semanal da pior dor abdominal diária, em comparação com a linha de base em pelo menos 50% do período de tratamento) e alívio geral dos sintomas da SII.
  • A resposta à dor abdominal não foi significativamente diferente entre os grupos (47% para o óleo de hortelã-pimenta de liberação intestinal delgada, 41% para o óleo de hortelã-pimenta de liberação ileocolônica e 34% para o placebo). O alívio geral dos sintomas também não foi significativamente diferente (9,7%, 1,6% e 4,7%, respectivamente).
  • Em análise secundária, o óleo de hortelã-pimenta de liberação intestinal, mas não ileocolônico, reduziu a dor abdominal, o desconforto abdominal e a gravidade da SII em comparação com o placebo.
  • Os efeitos colaterais mais comuns do óleo de hortelã-pimenta de liberação intestinal foram sintomas de refluxo.
  • Em conclusão, o óleo de hortelã-pimenta não atendeu aos desfechos primários relativamente rigorosos deste estudo bem executado, haja discussão quanto a possível falta de poder estatístico.
  • O óleo de hortelã-pimenta, principalmente a forma de liberação do intestino delgado, ainda pode ser considerado em pacientes com SII cujos sintomas dominantes são dor e desconforto abdominais e que preferem uma opção com um ingrediente ativo mais “natural”.

 

 

REFERENCIA:

Weerts ZZRM et al. Efficacy and safety of peppermint oil in a randomized double-blind trial of patients with irritable bowel syndrome. Gastroenterology – Aug, 2019.

https://doi.org/10.1053/j.gastro.2019.08.026

————————————————————————————————————————

“DISCLAIMER”/ aviso legal: o objetivo dessa página é compartilhar conhecimento médico, visando um público alvo de médicos, pediatras, gastroenterologistas pediátricos, estudantes de medicina. Os conteúdos refletem o conhecimento do tempo da publicação e estão sujeitos a interpretação da autora em temas que permanecem controversos.
A linguagem é composta de linguagem/jargões médicos, uma vez que não visa o público de pacientes ou pais de pacientes. O conteúdo dessa página não pode  substituir uma consulta médica.
As indicações e posologia de medicamentos podem mudar com o tempo, assim como algumas apresentações ou drogas podem ser retiradas do mercado.
Em caso de dúvida relacionada ao conteúdo ou se algum dado incorreto foi identificado, entre em contato!