SARAMPO: mesmo uma pequena diminuição da cobertura vacinal pode até triplicar o número de casos!

20 de novembro de 2017

SARAMPO: mesmo uma pequena diminuição da cobertura vacinal  pode até triplicar o número de casos!

 

Dados americanos publicados no “JAMA Pediatrics” alertam para o fato que uma pequena diminuição na taxa de vacinação contra o sarampo pode levar a um aumento importante no número de casos, até triplicando a ocorrência da doença. `

Os pesquisadores usaram dados do “Center for Disease Control” (CDC) para simular diferentes coberturas vacinais contra sarampo, caxumba e rubéola (SCR) para crianças americanas e a partir daí estimar o o número de casos de sarampo e os custos associados que ocorreriam com a diminuição da cobertura da vacina por razões não médicas. Na linha de base, a cobertura da vacina MMR foi de 93% e a prevalência de isenções não médicas foi de 2%. Isso produziria 48 casos pediátricos de sarampo anualmente nos EUA. No entanto, se a cobertura da vacina caísse em 5%, o número estimado de casos de sarampo aumentaria para 150, custando US $ 2,1 milhões adicionais. A eliminação de isenção vacinal por razões não médicas, por outro lado, traria o número anual de casos para 38.

É fundamental lembrar que o Sarampo é uma doença grave, potencialmente fatal e que pode apresentar complicações e cursar com sequelas graves nos pacientes sobreviventes.

Outro aspecto importante a ser considerado é de que a vacina de Sarampo é realizada rotineiramente a partir de 12 meses, e que sendo uma vacina de vírus vivo atenuado, isso limita a sua aplicação a grupos de risco – pacientes imunocomprometidos/ imunossuprimidos. Assim, são colocados sobre risco de uma doença grave, pacientes particularmente indefesos, seja pela idade (<1 ano) ou pela presença de doença de base.

 

Texto base/ Fonte e estudo referido:

Small Declines in Measles Vaccination Could Triple the Number of Cases

By Amy Orciari Herman. Edited by David G. Fairchild, MD, MPH, and Jaye Elizabeth Hefner, MD